Na semana passada o Espírito Santo perdeu um dos capixabas mais intrigantes: Edgard Euzébio dos Anjos. Que de Anjo não tinha nada. Houve muitos comentários sobre sua contribuição à imprensa capixaba, mas queria abordar aqui sua contribuição à publicidade capixaba quando fundou a Quarupe Propaganda, onde tive a honra de trabalhar no início de minha […] Continuar lendo